Nutrição

ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL PARA PACIENTES PRÉ E PÓS-GASTROPLASTIA

ANTES DA CIRURGIA

Na semana que antecede a cirurgia você deve intensificar o cuidado com sua alimentação. Não cometa excessos!! Três dias antes da cirurgia, prefira uma dieta leve para facilitar a digestão.  No dia que antecede a cirurgia, ingira somente líquidos. Lembre-se: jejum de 12 horas para a cirurgia.

Sugestão de cardápio:

HORÁRIO ALIMENTO QUANTIDADE
Desjejum Leite desnatado

Biscoito doce

1 copo de 180 ml

5 unidades

Lanche da manhã Iogurte 1 copo de 180 ml
Almoço Sopa de carne com vegetais liquidificados

– Carne

– Batata

– Cenoura

– Couve

 

1 pedaço pequeno

3 colheres de sopa

2 colheres de sopa

1 folha grande

Lanche da tarde Vitamina de frutas 1 copo de 200 ml
Jantar Sopa de frango com vegetais liquidificados

– Frango

– Arroz

– Cenoura

– Abobrinha

 

1 pedaço pequeno

3 colheres de sopa

2 colheres de sopa

2 colheres de sopa

Ceia Chá ou Suco Natural

Bolacha salgada

1 xícara/1 copo

5 unidades

ALTA HOSPITALAR

A gastroplastia é uma cirurgia que modifica os hábitos alimentares.

REGRAS GERAIS IMPORTANTES:

  • comer pouca quantidade de 2/2 horas ou de 3/3 horas.
  • Alimentar-se em local tranquilo, sentado e sem a TV ligada
  • MASTIGAR BEM. Mastigue sem pressa, preste atenção a sua mastigação – 20 a 30 vezes cada bocada.
  • Não coma quantidades maiores do que a recomendada na dieta e se passar mal com algum alimento tente comê-lo novamente após 3 dias.
  • Tomar de 1 a 2 litros de água/ água de coco ou isotônico (Gatorade/ I 9), em goles pequenos ao longo do dia. Para não desidratar.
  • Utilize produtos zero, diet e light. Nos primeiros 6 meses não se deve tomar água com gás e refrigerantes, pois o gás lhe causará a sensação de mal estar e “estufamento”, além de ocasionar náuseas e vômitos.
  • Comer alimentos ricos em proteínas (carnes no geral, leite, queijo, iogurte)

MANTENHA O ACOMPANHAMENTO COM A NUTRICIONISTA, SENDO ESTE AGENDADO MENSALMENTE, DURANTE 3 MESES, TRIMESTRAL E SEMESTRAL – NÃO FALTE A SUA CONSULTA.

 

Intercorrências

As intercorrências são diferentes de pessoa para pessoa e é preciso identificar quais os alimentos que podem estar fazendo mal.

1- Náusea/vômitos: podem ser causados por alimentos que não foram mastigados corretamente, alimentos muito gordurosos ou ingestão muito rápida.

2- Gases/distensão: podem ser causados por alimentos formadores de gases como repolho, couve-flor, brócolis, leite de soja e bebidas com gás.

3- Diarréia: pode ser causada por alimentos gordurosos e doces.

4-Síndrome de dumping: causada pela passagem rápida dos alimentos sólidos e líquidos do estômago para o intestino. Os sintomas mais comuns são: cefaléia, taquicardia, tremor, sudorese, náuseas, fraqueza e diarréia. Geralmente acontece devido a rápida absorção de açúcar, após comer alimentos com muito açúcar (doces em geral, leite condensado, mel, chocolates, geléias, refrigerantes, dentre outros), por pessoas que fazem cirurgia bariátrica. Estes sintomas podem ser precoces (aparecerem de 30 a 60 minutos após a refeição) ou tardios (de 1 a 3 horas após a refeição). Não podemos afirmar que todos os pacientes terão esta síndrome. A grande maioria dos pacientes aprendem a conviver com o dumping, e passam a evitar os alimentos que lhes são menos favoráveis.

A prevenção é pela modificação dos hábitos alimentares: evitar o consumo de açúcar e doces em geral, dividir a alimentação em 6 refeições por dia (pequena quantidade), não tomar líquidos durante as refeições (devendo tomar 30 minutos antes ou após a refeição), aumentar o consumo de fibras e mastigar bem os alimentos.

DIETA APÓS A CIRURGIA

A dieta evolui gradativamente, passa por fases, a adesão do paciente a essas fases é fundamental para que ocorra a sua perfeita adaptação ao novo estômago, evitando assim complicações.

ETAPA 1

Primeiros 15 dias – DIETA LÍQUIDA

  • Esta dieta consiste de líquidos que forneçam poucos resíduos e sejam facilmente ingeridos. Dieta líquida coada, sem açúcar, pobre em gordura.
  • Alimentos permitidos: Líquidos: água sem gás, chás, leite desnatado, gelatina light, água de coco, sucos coados, sopas de legumes liquidificadas e coadas com carne (boi, frango ou peixe), temperos naturais (alho, cebola, cheiro verde). Adoçantes Finn/ Stevia/ Zero cal…
  • Alimentos proibidos: açúcar, caldo Knor/ Maggi, Sazon, sopas de pacotinho, bebidas com gás, alimentos pastosos ou sólidos.

Tomar um litro de água / água de coco / isotônico (Gatorade, I9…) aos goles ao longo do dia.

8 refeições por dia

Exemplo de cardápio:

08:00 Leite desnatado Fazer 200ml e tomar apenas 50 ml a cada 20min
10:00 Gelatina diet Fazer 200ml e tomar apenas 50 ml a cada 20min
12:00 Caldo de carne Fazer 200ml e tomar apenas 50 ml a cada 20min
14:00 Água de coco Fazer 200ml e tomar apenas 50 ml a cada 20min
16:00 Leite desnatado Fazer 200ml e tomar apenas 50 ml a cada 20min
18:00 Caldo de carne Fazer 200ml e tomar apenas 50 ml a cada 20min
20:00 SUPLEMENTO Fazer 200ml e tomar apenas 50 ml a cada 20min
22:00 Suco de fruta natural com adoçante Fazer 200ml e tomar apenas 50 ml a cada 20min
  • Caldo de carne: fazer sopa de carne com 3 legumes. Bater no liquidificador com bastante água e coar.
  • SUPLEMENTO: NUTREN SENIOR ou GLUCERNA – usar em uma das refeições (2 COLHERES DE SOBREMESA RASA EM 180ML DE ÁGUA OU DISTRIBUIR AO LONGO DO DIA).

ETAPA 2

Entre 15 e 30 dias da cirurgia – DIETA PASTOSA

VOCÊ DEVE MASTIGAR, MASTIGAR E MASTIGAR BEM!

Esta dieta consiste em alimentos liquidificados (mas não coados), purês, carne moída ou desfiada, mingau, papas e pudins. Sem adicionar açúcar e pobre em gordura.

Alimentos permitidos: Água de coco, sucos de frutas diluídos em água, sopas liquidificadas (legumes, verduras, com carne de boi ou de ave, cereais), leite desnatado batido com frutas, iogurte light, chás, gelatina light. Ingerir líquidos até atingir 2 litros no dia (nos intervalos, nunca durante a refeição).

6 refeições ao dia – No máximo 100 ml por refeição

Exemplo de cardápio:

08:00 Mingau (maisena)
100 ml devem ser ingeridos aos poucos, nunca de uma vez só!

100 ml

10:00 Fruta 2 colheres de sopa
12:00 Carne e purê de batata 1 colher de sopa de cada
15:00 Vitamina de frutas 100 ml
18:00 Sopa de legumes comcarne liquidificada 100 ml
21:00 Flan ou pudim DIET 100 ml
  • Mingau pode ser substituído por iogurte, leite, papa de pão ou vitaminas.
  • Frutas: purê de maçã, creme de mamão ou banana amassada.
  • Carne: Moída, frango desfiado, peixe ou hambúrguer.

Permaneça na dieta pastosa até retornar na próxima consulta!!

Agradecimento à equipe de nutrição:

Adriane Fátima Kulibaba,

Ana Flávia Champoski,

Karla Dias Bertolini.